Resultado busca

52 resultados encontrados

Posts do Blog (45)

  • Bebidas e Charutos

    Fumar charuto é um prazer, tal qual o vinho, ele exige tempo para se apreciar os sabores, aromas e notas presentes. Para tornar o momento ainda mais especial, por que não juntar ambos? Uma boa bebida pode acompanhar muito bem, complementando os sabores e elevando as sensações do charuto! 🍷 🚬 Cognac, Whisky, Vinho Seco, Fortificado, Licor, Gim, Cachaça... Qual bebida para acompanhar aquele belo charuto?! Pois é, boas opções não faltam! # Vinho ou Destilado? Os destilados são, comumente, o acompanhamento escolhido pelos apreciadores para harmonizar com charutos. Não sem motivo, é claro, afinal o elevado teor alcoólico destas bebidas consegue bater de frente com a complexidade de sabores do tabaco. Se queres um ritual bastante autêntico e convencional, mais modelar, aposte no Rum e Charuto como a combinação mais adequada, ambos os produtos tem origem caribenha, então podes harmonizar maravilhosamente bem um charuto e um rum cubanos. Certamente se sentirás naquela atmosfera nostálgica de Havana! Para os que preferem um ar mais clássico e tradicional europeu, ou mesmo para os que não são grandes fãs de rum, podes harmonizar teu fumo com Cognac ou Whisky, são igualmente potentes em álcool, complexas e saborosas. Os rótulos que apresentam bastante poder aromático combinarão ainda mais... Lembre-se: assim como na escolha do charuto, para selecionar uma bebida o seu paladar é soberano. Harmonize como gostares mais! Ah, mas é claro que não vamos falar só de destilados... Vamos aos Vinhos! Sim, apesar de trazer menor percentual alcoólico, o vinho pode harmonizar muito bem com charutos. Evidentemente precisamos ser cuidadosos na escolha, um Vinho Verde (D.O.C.), por exemplo, iria desaparecer completamente frente à potência do tabaco. Vale, mais ou menos, a mesma regra de harmonização de quando selecionamos um vinho para acompanhar a comida, não dá para comer um prato super pesado, condimentado e potente junto com um vinho demasiadamente leve, ou vice-versa. Então, procuramos aqui rótulos aromáticos e complexos, como os vinhos fortificados: Xerez, do Porto, Madeira, Banyuls, etc. Às vezes há harmonizações que surpreendem, como no caso dos Espumantes, diversos apreciadores fazem degustações de charutos e champanhes. Os comentários são os melhores, dizendo que muitos rótulos acentuam os aromas dos charutos. Isso porque o vinho, para acompanhar bem o charuto, precisa ter bom corpo, presença de álcool, mas também uma certa acidez, uma vez que ela ajuda a limpar o paladar entre uma baforada e outra. O dulçor também é um elemento desejável para contrapor o amargor do fumo. Enfim, não há bem um certo ou errado quando fazemos tal harmonização, podes reunir as dicas que separamos para ti e escolher a bebida que quiser. Faça experiências e então descubra qual combinação lhe agrada mais o paladar! Obs.: Atente também para a escolha do Charuto, eles são tão diversos quanto as próprias bebidas, podem ser mais suaves ou potentes, alguns trazem aromas diferenciados como café, chocolate ou frutas... tudo isso certamente irá influenciar em suas harmonizações! Não se esqueça, é claro, da moderação. Estes são hábitos prejudiciais e, portanto, devemos estar atentos à saúde!

  • Bag in Box [Vinho na Caixa]

    Você conhece esta inusitada e prática embalagem? Pois é, quando pensamos em vinho logo as garrafas de vinho nos vêm à cabeça... mas não só nos tradicionais vasilhames são comercializados os vinhos. Ótimo exemplo disto é a Bag in Box, o famoso Vinho na Caixa, que vendidos em embalagens de 3 ou 5 litros, são mais econômicos e mais fáceis de usar! Confira um pouco mais neste! 🍷 📦 🍇 O conceito desta embalagem é bem simples e, ao mesmo tempo, bastante sofisticado: o vinho é mantido à vácuo em um saco plástico reforçado, que por sua vez vai dentro de uma caixa - daí o nome Bag in Box (saco na caixa). No exterior da caixa há uma pequenina torneira, por onde sai o vinho ao mesmo tempo que impede a entrada de ar, assim evita a oxidação da bebida. Ou seja, apesar das grandes embalagens, o vinho dura muito mais. Então, mesmo que tu pretendas tomar apenas uma ou duas taças de vinho por dia, esta é uma ótima opção! Seu vinho durará muito mais do que nas tradicionais garrafas de vidro, na média uma bag in box garante a proteção da bebida de 30 até 90 dias. Isso ocorre por conta do vinho estar selado à vácuo na embalagem, por este motivo se costuma dizer que, na bag in box, a qualidade da última taça é igual a da primeira. Diferentemente da garrafa que logo ao ser aberta a bebida já inicia o seu processo de oxidação. Só isso já seria um grande motivo para dar uma chance ao vinho na caixa, mas há mais... Outra enorme vantagem da bag in box, talvez a maior delas, é claro diz respeito a economia! Vamos utilizar como exemplo o rótulo Porta 6 Tinto (2018) da vinícola portuguesa Vidigal Wines, feito com uvas nativas da região de Lisboa. Sua versão em garrafa de vidro (750mL) custa, em média, R$50. Enquanto isso sua versão bag in box (3L), de mesma safra, custa na faixa de R$145, o que corresponderia ao valor de R$36,25 por garrafa. Há alguns rótulos que dão descontos ainda maiores para as versões in box, quando comparadas às garrafas de vidro. Então esta embalagem pode ser uma grande economia! Vale aqui ressaltar: nem pense que uma embalagem de bag in box pode ser semelhante a um vinho de garrafão, por exemplo. As propostas são bem diferentes. Enquanto os garrafões trazem vinhos mais simples em maior quantidade, os vinhos na caixa nasceram para atender uma necessidade do mercado de bares e restaurantes que precisam de bons vinhos finos que fossem mais duráveis para que pudessem ser servidos de taça em taça, sempre com a mesma qualidade. Ou seja, a bebida é exatamente a mesma entre a garrafa e a box, sendo que nesta última o vinho se torna mais duradouro e econômico. Justamente por isso diversas marcas famosas já entraram neste mercado, trazendo rótulos bastante celebrados! Ainda, os rótulos bag in box são muito mais ecológicos do que as garrafas tradicionais, uma vez que é feito em material totalmente reciclável e cuja produção emite uma pegada muito menor de carbono do que na produção do vidro. Viu só? A bag in box é uma ótima opção para os variados estilos de enófilos! Vale a pena para aqueles que bebem só um pouquinho, pois a durabilidade e constância de sabores será bem maior. Vale também para aqueles que bebem bastante e com frequência, uma vez que suas embalagens maiores lhe garantirão muita praticidade e bons descontos. Todos saem felizes com seu Vinho na Caixa! Mas, é claro, nem tudo é só vantagens. A principal desvantagem da bag in box é a tradicionalidade do mercado. Muitos puristas ainda são demasiadamente apegados às garrafas de vidro e rolhas do modo mais tradicional de consumo. Isto tem impacto direto no mercado, uma vez que muitos produtores tem receio de aderir a tais embalagens e por isso a quantidade de variedades disponíveis é ainda pequena em relação aos vasilhames clássicos. E, então? Já conhecia a Bag in Box? Se não, vale a pena anotar na lista de compras e experimentar as vantagens do vinho na caixa... É também uma ótima dica de presente para pedir em seu aniversário. Já vem até na caixa, nem precisa embrulhar!!! 🤣 🎁 🍷

  • Como armazenar meus Vinhos?

    Já se perguntou como guardar as garrafas de vinhos para que nada lhes aconteça? Como guardar antes de abri-las e depois de abertas? Pois é, são coisas simples, mas que fazem toda a diferença. Principalmente se desejas guardar uma garrafa por muitos anos! Então, continua neste post que a gente lhe explica direitinho como conservar os vinhos em sua casa. 🍾🥂 Há muito o homem deseja conservar o vinho por mais tempo, o que era bem difícil até 1630, pois não havia uma embalagem adequada para tal, até que veio a invenção das garrafas de vidros e das rolhas de cortiça. Dessa forma, percebeu-se que o vinho ampliou grandemente a sua durabilidade e hoje há rótulos que podem ser conservados por mais de quarenta anos, como os vinhos da ilha da Madeira, em Portugal. Ainda sim, há algumas dicas a serem seguidas para melhor preservação das bebidas, pois mesmo com alto potencial de guarda, se mal conservados, os vinhos podem se deteriorar mais rapidamente. Como conservar Antes de Abrir? Enquanto fechado o mais importante é manter o vinho muito bem vedado para evitar o contato com o oxigênio e com fungos do ambiente externo, o que aceleraria enormemente o processo de degradação da bebida - se isso acontecer encontrará uma péssima surpresa ao abrir a garrafa! Para tanto mantenha o vinho longe da luminosidade e do excesso de calor, por isso as garrafas são guardadas em adegas, despensas, ou repartições específicas dos móveis de cozinha. O ideal é procurar o local mais frio da residência para que a bebida fique armazenada. Os 13º C é considerada a temperatura ideal, mas, convenhamos, no Brasil isso é praticamente impossível, então basta procurar um local bem fresco, arejado e sem iluminação solar direta. As adegas elétricas são opções maravilhosas para conservar a bebida, mas não é necessária, apenas um diferencial. Para a rolha não secar, levando ao vazamento do vinho ou oxidação da bebida, mantenha a garrafa deitada e em local com certa umidade. Se tu moras num lugar que já congrega bem estes elementos, sem problemas! Se vives num local muito quente e seco o ideal é uma adega mesmo, ou podes manter as garrafas numa região menos fria da geladeira - assim a temperatura será baixa, sem iluminação solar e com certa umidade! Outrossim, vinhos com rolha devem ficar sempre deitados, assim a bebida fica sempre em contato com a rolha mantendo-a umidecida, evitando sua deterioração. Vinhos com vedação Screw Cap, ou com rolhas de Vidro é indiferente se ficam em pé ou deitados. Como consevar Depois de Aberto? Depois de retirada a tampa, rolha ou screwcap, o caminho para a deterioração é inevitável, uma questão de tempo, e bem rápido, alguns dias. Se queres um vinho que dure muito tempo depois de aberto o ideal é apostar nas caixas que, apesar de terem seu três a cinco litros, mesmo depois de abertas duram cerca de trinta dias em geladeira. Alguns tipos de vinho naturalmente duram mais que outros, é o caso de licorosos, como o Vinho do Porto, que podem ser mantidos por cerca de vinte e oito dias mesmo depois de abertos. Após abrir um vinho, mantenha o restante na garrafa e dentro da geladeira para melhor conservar, não se esqueça de tampar novamente, podes usar a própria rolha que veio com o vinho ou comprar aquelas "rolhas universais", de vidro ou cortiça, feitas justamente para tampar garrafas já abertas. Abaixo temos a duração aproximada de cada vinho depois de aberto: Espumantes : 1 a 3 Dias Brancos leves e Rosés : 3 a 7 Dias Branco Encorpado : 2 a 3 Dias Tintos Leves : 1 a 3 Dias Tintos Encorpados : 4 a 5 Dias Fortificados : Até uns 28 Dias Fique atento a algumas especificidades, como os espumantes por exemplo, que podem até durar três dias depois de aberto, mas não necessariamente suas bolhas durarão tanto tempo. Sem o gás carbônico se perde o próprio vinho espumante, ainda que este não tenha se deteriorado. Viu só? Há algumas dicas para guardar bem os seus vinhos. Mas no final é bem simples, então agora podes encher a Adega sem se preocupar! 🍷

Ver todos

Páginas (7)

  • Blog | Vinhos Saca-Rolhas | Brasil

    BEBIDAS E CHARUTOS Fumar charuto é um prazer, tal qual o vinho, ele exige tempo para se apreciar os sabores, aromas e notas presentes. Confira Aqui! VINHOS HARMONIZAÇÃO ENOLOGIA posts há 2 dias 2 min Bebidas e Charutos Fumar charuto é um prazer, tal qual o vinho, ele exige tempo para se apreciar os sabores, aromas e notas presentes. há 5 dias 3 min Bag in Box [Vinho na Caixa] Você conhece esta inusitada e prática embalagem? Pois é, quando pensamos em vinho logo as garrafas de vinho nos vêm à cabeça, mas não só! Abr 1 3 min Como armazenar meus Vinhos? Já se perguntou como guardar as garrafas de vinhos para que nada lhes aconteça? Como guardar antes de abri-las e depois de abertas? Mar 30 6 min 10 Pratos clássicos feitos com Vinho Vinho na taça, vinho no prato! A gastronomia clássica nos traz exemplos maravilhosos da versatilidade dos vinhos na cozinha! Mar 27 3 min Vinhos com Sorvete! Vinho é tudo de bom, sorvete também! Então, por que não harmonizar estas duas delícias? Sim, dá para fazer ótimas combinações! Mar 25 3 min Os Aromas do Vinho Frutado, floral, frutas vermelhas e pretas, manteiga, nozes, couro, chocolate, tabaco... Já se perguntou de onde vêm todos estes perfumes... Mar 23 3 min Vinho Vegano?! Espere um pouco... vinho é feito só de uvas, então todo vinho é vegano, certo?! Pior que não! Em algumas etapas da produção da bebida... Mar 20 4 min Harmonização: Vinho e Música O vinho ideal para cada estilo musical: Um delicioso vinho, uma boa playlist, eis uma bela harmonização. Neste post separamos um tipo de... Mar 18 3 min Chaptalização: Açúcar no vinho? No século XVIII, o químico francês Jean-Antoine Chaptal propôs o método de chaptalização, que consiste na adição de açúcar ao vinho para... Mar 16 3 min Reservado, Reserva ou Gran Reserva Constantemente nos deparamos com expressões, as mais diversas, nos rótulos de vinhos. Exemplo disso são os termos Reservado, Reserva ou... sacarolhas.edicoes@gmail.com Curitiba, PR - Brasil

  • Vinhos | Vinhos Saca-Rolhas

    F. Ruzene há um dia 2 min Gordon Ramsay lança sua própria linha de Vinhos Gordon Ramsay é provavelmente o mais famoso e mais bem pago chef do mundo, para teres noção o britânico é o criador de programas como Hel... 27 visualizações Escreva um comentário 4 F. Ruzene há 4 dias 2 min Portugal e seus Vinhos Ah, Portugal! Terra de grande História, de magníficos poetas (como Camões e Pessoa), de uma gastronomia notável e, é claro, vinhos incrív... 23 visualizações Escreva um comentário 2 F. Ruzene há 5 dias 3 min Diferentes tipos de Rolhas As rolhas são símbolos dos próprios vinhos para o mundo dos enófilos, não à toa há quem guarde as rolhas de todos os vinhos que consome, ... 14 visualizações Escreva um comentário 3 F. Ruzene Mar 6 2 min Como escolher bons Vinhos de Mesa? Conforme nos aprofundamos no mundo dos vinhos, naturalmente, vamos abandonando os vinhos de mesa e consumindo (quase que exclusivamente) ... 17 visualizações Escreva um comentário 3 F. Ruzene Fev 21 3 min Como servir Vinho? Então tu resolves fazer aquela reunião social, um jantar romântico ou mesmo curtir um filme ou um bom livro. Nada melhor do que servir um... 15 visualizações Escreva um comentário 5 F. Ruzene Fev 20 3 min Malbec, a joia da Argentina Apesar de se popularizar graças aos viticultores argentinos, a cepa é de origem francesa. Por ser vista como uma casta frágil, após a gra... 14 visualizações Escreva um comentário 4 F. Ruzene Fev 20 5 min A França e seus Vinhos Ah, les beautés de la France. Provavelmente os mais famosos, mais valorisados (às vezes os mais caros) vinhos vêm da França. O país é um ... 17 visualizações Escreva um comentário 4 F. Ruzene Fev 14 2 min Qual o Vinho mais caro do Brasil? A garrafa de vinho produzida em Garibaldi, no Rio Grande do Sul, é de safra 2002 e vendido em três opções: Cabernet Sauvignon, Tannat ou ... 37 visualizações Escreva um comentário 7 F. Ruzene Fev 12 3 min A Temperatura ideal para o Vinho Fresco, gelado, quente? Qual a temperatura correta para consumir cada tipo de vinho? Tu já percebeste que um mesmo vinho pode apresentar ... 29 visualizações Escreva um comentário 6 F. Ruzene Fev 12 3 min Vinho com pratos tipicamente Brasileiros Isto aqui, é um pouquinho de Brasil, iá iá! Ah, a nossa gastronomia é fantástica, do arroz com feijão do dia-a-dia até o mais requintado ... 16 visualizações Escreva um comentário 5 VINHOS

Ver todos
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

© 2020 by Saca-Rolhas. Proudly created with Wix.com

1614083168504.png